Caramelodrama • Chef Carolina Garofani

A Chef Carolina Garofani

Carolina Garofani é uma chef de confeitaria premiada e foi proprietária da Caramelodrama Confeitaria em Curitiba de 2013 a 2019. Sua confeitaria autoral é repleta de referências inteligentes aos seus interesses pelas ciências, astrofísica, literatura e artes performáticas e visuais.

Formação e História

Carolina se graduou em Publicidade e Propaganda pela Universidade Positivo e tem curso superior de Ilustração e Animação 2D pelo IED (Istituto Europeu di Design) em Milão, Itália.

Após 10 anos na área do design e ilustração começou a se aventurar na confeitaria fazendo pequenos doces e cupcakes para a família e amigos. Logo começaram a chegar as primeiras encomendas e Carolina descobriu na confeitaria uma forma nova de expressar sua criatividade.

Em 2010 fez um curso de 6 meses de confeitaria em Curitiba e aí veio a decisão: a confeitaria era o caminho.

Formou-se com honras no Curso Superior de Confeitaria da escola ALMA – La Scuola Internazionale di Cucina Italiana em 2011 e seguiu para restaurantes e laboratórios renomados, como o Il Canto do Chef Paolo Lopriore, a confeitaria L’Antica Arte del Dolce di Ernst Knam e a Pasticceria Buosi do chef Denis Buosi.

Turma da ALMA, abril de 2011

De volta ao Brasil em 2012 idealizou o projeto da sua confeitaria – a Caramelodrama. Depois de uma longa busca encontrou o lugar perfeito, uma casa de 1952 no coração do Batel, bairro charmoso de Curitiba conhecido pela concentração de restaurantes, cafés e locais charmosos.

A Caramelodrama foi aberta em novembro de 2013, em soft opening atendendo a encomendas.

Caramelodrama Confeitaria

O cardápio da Caramelodrama sempre refletiu o desejo da chef de fazer uma confeitaria diferente dos padrões, com algumas decisões bastante significativas. A escolha de não utilizar leite condensado em nenhuma das preparações foi o caminho para mostrar que era possível fazer uma confeitaria variada, focada em sabores, texturas e combinações sem lançar mão do que a chef sentia que se tornara uma “muleta” na confeitaria nacional.

A casa começou a dar projeção à chef quase imediatamente, com o primeiro reconhecimento em agosto de 2014 com o prêmio “Novidade do Ano” da revista Veja Comer&Beber.

A partir de 2015 Carolina passou a ser convidada para palestras, eventos e aulas show em diversas escolas e universidades, e também firmou uma parceria de sucesso com a Barry Callebaut Brasil, se tornando chef chancelada da marca e participando de eventos e representando a marca em aulas.

Chef Carolina em aula demonstrativa para a Barry Callebaut Brasil setembro/2019

Carolina é uma curiosa natural e nunca deixou de renovar, redesenhar e recriar o cardápio da confeitaria de acordo com novas tendências internacionais. O laboratório da casa se tornou local de desenvolvimento de novas técnicas e receitas.

Golden Girl, outubro/2019
Sair da versão mobile